A vinícola que criou o Chianti.

A vinícola Barone Ricasoli pode ser definida em poucas e reveladoras palavras: a verdadeira essência do Chianti Classico!

 

De fato, a família Ricasoli está intimamente ligada à história do vinho italiano. Credita-se ao Barão Bettino Ricasoli a criação do vinho Chianti, quando no ano de 1872, após trinta anos de pesquisas e experimentações – unindo paixão, arte e ciência – escreveu a “fórmula do Chianti” na famosa carta endereçada ao professor Cesare Studiati da Universidade de Pisa, na qual exaltava os aromas e a estrutura da Sangiovese, a maciez da Canaiolo e a tendência da Malvasia a diluir o vinho, o que fez o Barão sugerir que esta uva não fizesse parte do corte dos vinhos de guarda da sua região.

 

Além de ser a criadora do Chianti, a família Ricasoli produz vinhos desde o ano 1141, quando adquiriu o legendário Castello de Brolio. Essa longa história faz da Barone Ricasoli a vinícola mais antiga da Itália e a segunda mais antiga do mundo.

 

Atualmente comandada pelo Barão Francesco Ricasoli, bisneto do Barão Bettino, a vinícola vive um momento brilhante de sua história. Além de reformular seus 235 hectares de vinhedos – todos em colinas entre 180-490 manm. – com as melhores seleções clonais de Sangiovese* e de outras variedades, aumentar a densidade de videiras por hectare, identificar e estudar os diversos micro-terroirs (os crus) da propriedade e plantar as cepas mais indicadas em cada parcela, Francesco promoveu a evolução do cultivo dos vinhedos para uma agricultura ambientalmente amigável e responsável, com o propósito de preservar a fauna e a flora locais.

 

O Barão Francesco também investiu na modernização da antiga adega. Implantou os mais modernos sistemas de vinificação por gravidade, barricas de carvalho francês e, o mais importante, instalou pequenos tanques de fermentação para ter a possibilidade de vinificar separadamente cada micro-terroir de sua propriedade, buscando, com isso, a produção de verdadeiros “crus” toscanos.

 

Acostumada a conquistar os mais prestigiosos prêmios mundo afora, em 2009 a família Ricasoli comemorou um feito inédito para a vinícola: viu o seu Chianti Classico Castello di Brolio 2006 receber 96 pontos da Wine Spectator e se classificar em 5º lugar no ranking dos Top 100 da revista norte-americana. Assim, tornou-se o Chianti melhor classificado na história do ranking dessa revista; o vinho italiano melhor classificado na edição de 2009 e, para completar a tríplice conquista, recebeu a mais alta pontuação conferida até então a um Chianti pela Wine Spectator!

 

*Um novo clone de Sangiovese foi identificado e considerado autóctone dos vinhedos de Ricasoli. Esse clone foi batizado Sangiovese Brolio e foi catalogado pelo Registro Nacional de Uvas do Ministério da Agricultura italiano.

 

www.ricasoli.it

O que nós Importamos
  • Barone Ricasoli Castello di Brolio Gran Selezione Chianti Classico D.O.C.G.
    511204 - 750ml
    Esse é o vinho que representa a essência da Barone Ricasoli, sua longa história em busca da perfeição e a natureza privilegiada de seu terroir. O Chianti Clássico Castello di Brolio é o “Grand Vin” de Ricasoli. Apenas as uvas que atingem a maturação perfeita são selecionadas para compor o corte desse vinho, sempre excepcional. Os vinhedos se situam entre 250 a 450 metros acima do nível do mar. A exposição perfeita, a elevação e o solo pedregoso são responsáveis pelo caráter do Castello de Brolio.

    Ficha Técnica
  • Barone Ricasoli Brolio Chianti Classico D.O.C.G.
    511202 - 750ml
    Os vinhedos da Ricasoli, plantados entre 280 e 480 metros acima do nível do mar, produzem as uvas para o Chianti Brolio. Os terrenos têm em comum a composição rica em cascalho. O Brolio sempre atinge com sucesso níveis superiores de qualidade para uma versão jovem de Chianti Classico, com complexidade, estrutura densa e taninos maduros, virtudes que o tornam excelente em sua categoria.
    Ficha Técnica
  • Barone Ricasoli “Chianti del Barone” D.O.C.G.
    511201 - 750ml
    Esse é o Chianti da Barone Ricasoli produzido para o consumo cotidiano. Carinhosamente chamado de “Chianti del Barone”, é um Chianti delicioso, super frutado, fresco, macio e talhado para a mesa, para acompanhar os pratos simples e clássicos da culinária italiana.
    Ficha Técnica